Entenda Como O Enem Pode Ajudar Você No Fies E No Prouni

| 11/06/2017 | Reply

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) não é apenas a ferramenta mais popular de avaliação e ingresso no ensino superior. Ela também é a única porta de entrada para os alunos de baixa renda terem acesso aos programas sociais do governo federal de financiamento e bolsa estudantil. Conheça um pouco mais sobre os principais programas, o Financiamento Estudantil do Ensino Superior (Fies) e o Programa Universidade Para Todos (Prouni).

Fies

O Fies foi criado pelo governo federal em 1999 para proporcionar o acesso ao ensino superior das classes menos favorecidas. Esse programa ganhou impulso a partir de 2010, quando ele foi ampliado e abriu espaço para que mais de 700 mil pessoas em cinco anos pudessem ter acesso ao direito de estudar em um curso de graduação.

O programa permite que uma pessoa com pouca ou nenhuma renda possa estudar em uma instituição de ensino superior privada. Durante a realização do curso, o governo federal paga as mensalidades para a universidade. O estudante só vai se preocupar com o grosso do financiamento após a conclusão de seu curso. Durante a faculdade ele vai ter que pagar somente pequenas parcelas trimestrais relacionadas ao juro do financiamento.

Outra facilidade é que o pagamento após o curso se dará por meio de prestações suaves e com valores baixos, possíveis de serem arcados pelo cidadão. Tudo para garantir o acesso à educação superior a famílias com dificuldades financeiras.

Ocorre que, para poder pleitear esse benefício que pode ser fundamental para uma pessoa poder fazer uma graduação, é necessária a participação no Enem. Não há outra forma da pessoa fazer parte do Fies sem prestar o Enem. E, além disso, o candidato precisará ter média superior a 450 pontos no exame, além de não poder zerar na redação.

Outra condição importante para que a pessoa possa pleitear o financiamento é que sua família tenha renda per capita de até três salários mínimos – esse processo está em mudança e poderá ampliar o acesso a família com até cinco salários mínimos. Com isso, basta entrar no site do Fies e realizar o processo de inscrição.

Prouni

O Prouni garante bolsa aos alunos de baixa renda estudarem em universidades particulares. Criado em 2004, o programa do governo federal oferece bolsas de 50% e 100% da mensalidade em instituições de ensino superior privadas.

O Prouni é realizado duas vezes por ano e, para que a pessoa possa pleiteá-lo, é importante preencher um dos pré-requisitos a seguir:

  • Ter estudado todo o ensino médio em escola pública;
  • Ter feito parte ou todo o ensino médio em escola particular com bolsa integral;
  • Ser portador de alguma deficiência;
  • Ser professor da rede pública do ensino básico e concorrer aos cursos de pedagogia, normal, superior ou mesmo licenciaturas.

Só que nada disso valerá se você não tiver prestado o Enem. Ele é condição obrigatória para que o candidato possa solicitar uma bolsa pelo Prouni. Assim como o Fies, o estudante deverá ter nota superior a 450 pontos e não pode zerar na redação. Não é necessário fazer o vestibular da faculdade que você deseja cursar com a bolsa, a nota do Enem já basta para a avaliação.

A pessoa deverá fazer o cadastro no site do Prouni, inserindo, além dos dados pessoais, o número de inscrição do Enem do ano anterior. Ao entrar no site, o candidato escolhe até dois cursos de graduação, por ordem de prioridade, e uma ou duas instituições. Ele também dirá se a bolsa deverá ser integral ou parcial, dependendo da renda pessoal (até três salários mínimos).

Category: Estudante

Leave a Reply