Calendário do PIS/Pasep 2018-2019

| 09/07/2018 | Reply

Quem exerceu atividade remunerada com carteira assinada, recebendo em média até 2 salários mínimos, por pelo menos 30 dias em 2017 e está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos, tem direito ao abono salarial.

Como é feito o pagamento do PIS/Pasep?

  • A quantia que cada trabalhador tem para receber é proporcional ao número de meses trabalhados formalmente em 2017.
  • O valor do abono salarial será calculado na proporção 1/12 do salário mínimo vigente na data do pagamento. Ou seja, o valor máximo é de R$ 954 e, o mínimo, de R$ 80.
  • Quem trabalhou durante todo o ano receberá o valor cheio. Quem trabalhou por apenas 30 dias receberá o valor mínimo.

Quer saber se tem saldo no PIS/Pasep?

Para cotistas que quiserem checar o saldo que possuem no fundo, basta consultar os sites da Caixa Econômica e do Banco do Brasil – Veja aqui como consultar o saldo do PIS/Pasep pela internet.

A estimativa é de que sejam destinados R$ 18,1 bilhões a 23,5 milhões de trabalhadores. Quando o saque do PIS não é efetuado, o valor é incorporado ao saldo de quotas. Ao final do exercício financeiro (28 de junho), após a atualização do saldo, os rendimentos são disponibilizados para saque no novo calendário. Os rendimentos variam conforme o saldo existente na conta do PIS vinculada ao trabalhador.

Onde sacar o PIS/Pasep?

Os empregados da iniciativa privada, vinculados ao PIS, sacam o dinheiro na Caixa Econômica Federal. Para os funcionários públicos, associados ao Pasep, a referência é o Banco do Brasil. Os correntistas terão o benefício creditado em conta no período estabelecido no calendário.

Calendário de Pagamento do PIS/Pasep

Tags: , , ,

Category: PIS/Pasep

Leave a Reply